O Pouco que é Tudo


04 - Mc 12.42-44 - 07-11-2018

O texto do evangelho de Marcos 12.42-44 fala de uma pobre viúva que vai ao templo e dá como oferta duas moedinhas. Duas moedinhas que não valem quase nada, algo que parece ser insignificante perto daquilo que outros estavam dando. Porém, Jesus usa o exemplo dessa pobre viúva para nos ensinar uma grande lição.

O que parece ser um valor insignificante perto das grandes quantias que outros ofertavam, para ela, era muito. Um pequeno valor onde o pouco é tudo. Ela não oferece a Deus seu dinheiro apenas, ela lhe oferece da sua miséria, entrega o que tem de mais precioso: sua vida.

A verdadeira oferta que agrada a Deus é quando aprendemos a dar a ele da nossa miséria e lhe entregamos tudo que temos. E o que temos para dar a Deus? Temos um coração miserável, cheio de pecados, que nada merece de Deus a não ser castigo. Porém, um coração miserável que reconhece o amor de Deus revelado em Jesus Cristo, que se entregou na cruz para perdoar nossos pecados e nos dar o presente da vida eterna.

Quando entendemos que nossa maior miséria é o pecado e nossa maior riqueza é o perdão de Cristo, o que nos resta é fazer como a viúva e entregar a Deus nossa vida, nosso coração, nossa fé, nosso amor… entregar tudo a Deus, pois tudo que temos ainda é pouco perto do que recebemos de Deus em Cristo Jesus.

A viúva pobre no templo entendeu essa verdade e do seu pouco Deus recebeu tudo. Que aprendamos a fazer o mesmo. Amém.

Pastor André Silva

capelania@saomateus.g12.br