redação

É lamentável o número de alunos com ansiedade, sem nem saber com o que estão lidando…

Estava eu fazendo minha avaliação em período de aula, quando escuto um barulho seguido e ritmado de pés batendo no chão, viro minha cabeça depressa para visualizar o que estava acontecendo, quando me deparo com uma colega, sentada ao meu lado, batendo seus pés no chão, incansavelmente, em busca de alívio à situação que estava passando.

Então, pedi para que se acalmasse e concluí minha avaliação, entreguei ao professor e aguardei até que ela entregasse sua prova também, fui atrás dela para perguntar o motivo de tamanho nervosismo e ela me respondeu com voz de cansaço que havia estudado a noite inteira e que, mesmo assim, não tinha em mente o conteúdo, pois não tinha foco em seu estudo e que ao fazer a avaliação estava cansada e lhe deu um “branco”.

Eu lhe disse que havia estudado apenas 2 horas, mas que meu estudo tinha rendido, ela me olhou com cara de espanto e foi buscar o resultado de sua prova. Minha colega tirou “vermelha” e eu gabaritei. Resumo da história: não se preocupe com as horas de estudo e sim com o rendimento dele, e o descanso é essencial.

Texto produzido pela aluna Maria Luiza, T.81, na oficina #Redação.